Na palestra, PROJETO DE VIDA E CONSTRUÇÃO DA FELICIDADE ETERNA -Reencontro de Acólitos, o professor Ainor Francisco Lotério, que ser ordenará Diácono Permanente, iniciou questionando os jovens acólitos, pertencentes à Paróquia São Sebastião (Bairro Pioneiros, Balneário Camboriú-SC) sobre os seguintes pontos do caminho da vida na fé:
– Por que estamos aqui e por que sou acólito?
– Onde estou e para onde vou se continuar a fazer o que faço na minha família, na vida particular, na Igreja e na sociedade?  
– Senhor, o que queres que eu faça?

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O tema objetivou levar os jovens acólitos à retomada do compromisso com Cristo na comunidade, de modo a reaquecer os corações e sensibilizá-los (motivá-los) para a alegria de viver o caminho da verdade e da vida como seguidores de Cristo.

Houve depoimentos de pessoas que atuam na igreja e que passaram pela missão de acolitar.

Foi um dia com temas abordados de forma dinâmica e participativa, com músicas celebrativas (com os jovens), seguindo o projeto de felicidade eterna, no rumo do Reino do “Eu Sou”.

Foi um Encontro de Acólitos (adolescentes e jovens servidores do altar), na presença de Jesus Cristo, o Deus Vivo entre nós. Isso é matéria de fé para os cristãos, conforme declara Pe Pedro, Pároco da Paróquia São Sebastião, Balneário Camboriú-SC.

 

Como são belos os gestos dos pais e mães, voluntários, Pastorais e todo o Ministério da Igreja na formação e no papel dos acólitos no serviço do altar.

Outros tópicos fizeram parte do conteúdo da palestra, como:
– Considerações sobre a comunicação e o relacioname
  nto humano na era das novas tecnologias;
– Visão de juventudes e juventudes – um estudo – em tempos de mudanças e novas gerações;
– Fé inteligente e comunicação verdadeira no seio da Igreja e comunidade;
– O poder da dedicação com alegria de viver em cooperação e sinodalidade;
– A diversidade (sexualidade) humana (sob a ótica da Fratelli Tutti (todos Irmãos) e da Laudato Si (casa comum);
– Considerações sobre o lema da CF2022(falar com sabedoria e educar com amor);
– O jovem e a família como ninho e nó da Igreja e sociedade);
– Legatários do ideal cristão e sucessores na religião dos pais; etc.

O encerramento ocorreu com apresentação das mães, pais, familiares e amigos que estiveram em oração durante o encontro, com bênção final, os quais emocionaram seus filhos e filhas com a entrega surpreendente de mensagens de amor.